Little lune

7:12 PM

Adoro observar coincidências, acasos, sorte, destino, seja lá como se chama; isso tem estado tão favorável a minha felicidade que vale a pena mencionar fora de mim. Por tanto tempo eu pedi, chorei, conversei com pessoas mostrando minha insatisfação sobre tudo, ou sobre a falta de tudo que eu desejava, e hoje é tudo tão diferente que me surpreende e espanta. Por maior que seja um sofrimento, a gente sabe que superou quando estamos empolgados com a ideia de refazer tudo de novo em si, reinventar-se, e eu percebi há tanto tempo isso... Quando finalmente enxerguei que não só estava preparada, como estava envolvida, entregue. Ninguém deseja se machucar, porém, as coisas são incertas, felizmente, porque se a vida fosse previsível seria bastante sem graça, sem “perigo”. Enfim, o fato é que eu não desejo pular nenhuma etapa dessa história gostosa, eu preciso sentir cada pedaço, me abastecer de cada pedaço e montar uma nova estrutura que eu tanto desejo, imagino, me encanto. Mais do que prever o que vai vir, eu quero me transbordar dessa alegria de sentir o que é isso, de sentir o que é ter alguém e a cada dia ter mais vontade de usar pronomes possessivos. No inicio é engraçado sentir a insegurança, parece que todo mundo tem medo de ser feliz, se jogar em algo, arriscar seu momento por uma coisa incerta e misteriosa, mas todos sabem que sem isso as coisas não podem vir do além (só uma ajudinha), é necessário confiar no que poderá ser algo benéfico, e eu o fiz. Sendo certo ou não, se é eterno ou não, não sei. O fato é que é adorável perder horas antes de dormir pensando, desejando, imaginando com uma qualidade tão refinada que posso sentir. E eu o faço por todos os dias desde que percebi que não da pra se enganar. Minha família acha que sou lunática, uma apaixonadinha nata, que enxergo sentimento em tudo (e em partes eles não estão errados), mas o que eles não percebem, é que eu de fato enxergo o sentimento de tudo e todos, porém me encantar e me ver em torpor por um sentimento, que me torna mais humana e amável, não é tão simples. Vendo tudo isso, só consigo amar mais e mais, desde a ideia até a personificação. Não existe nada mais bonito do que tudo isso, e olhar meu eu hoje e dizer que não consegui sozinha. O que se formou até aqui e há de vir mais por aí, é impagável.

You Might Also Like

1 comentários