Obsolescência programada

12:47 AM

Nossa imaginação é extraordinária, capaz de nos igualar aos loucos até os mais lúcidos. Às vezes acho que loucura e lucidez é só uma questão de pontos de vista. Seja como for, eu precisava falar sobre isso porque me sinto beirando a loucura ou demência (só às vezes). Certas coisas me tiram do sério, essas coisas dizem respeito só a mim e se eu tento compartilhar parece que as pessoas não entendem a gravidade do que é de fato grave para mim. Não sei o que pensar disso, talvez seja só a forma mais bela de todo mundo ser individual e ter pensamentos individuais, felizmente, mas há momentos em que eu desejo ser entendida pelas minhas bobagens ou preocupações. Todos sabem que a imaginação é tão forte e intensa a ponto de curar doenças, ou próximo a isso, até mesmo gerar doenças, gerar traumas ou evitá-los, criar coisas surreais e até surtos psicóticos. Por falar em surtos psicóticos, sou a rainha disso. A partir de uma ideia eu crio milhares de possibilidades e probabilidades pra determinadas situações, e antes que se confirme ou não as tais ideias, eu já sofri e muito! Sofri a ponto de chorar, defenestrar e disseminar minha raiva por aí. É óbvio que exagerei um pouco, mas até algum tempo eu podia considerar essa fraqueza ou atitude como algo bastante infantil e impensado (sim, autopunição é o que há). Hoje em dia e associo a exercício mental e um toque de egocentrismo. Vejamos, começo a me punir por não ser tão egocêntrica quanto eu desejo. Não é nenhuma apologia a egocentrismo medíocre e superioridade, é aquele egocentrismo que nos faz sentir mais confiantes e seguros de si. Enfim, o que quero dizer é que, falta isso aqui. Insegurança gera falta de autocontrole, gera imaginação fértil por ter medo de sabe-se lá o que, ao menos comigo é assim. A questão é: Ter segurança em si evita muito desgaste emocional e felizmente mata os fantasmas da imaginação. A mesma imaginação que nos afunda pode nos levar a um estágio bastante avançado em relação a outras pessoas que não exploram em si esse lado tão positivo. Obviamente eu queria transferir essas palavras para o meu dia a dia, mas é complicado, exige um esforço que eu juuuro que tento! Há quem pense que essa maturidade em atitude condiz com a idade, se engana. Maturidade vai além de idade, convivências, experiências, ela se encontra quase em totalidade na força de vontade. É necessário que haja um esforço para evitar pensamentos sujos e sabotadores, pensamentos que nos façam esquecer o tal egocentrismo positivo e isso deve partir de dentro. E no meio de tantas palavras esquecidas, eu cito mais uma: autoconhecimento é tudo, rapaziada!

You Might Also Like

3 comentários

  1. Oi!
    Somos do Projeto Créativité e lhe convidamos para dar uma olhadinha, e se possível participar!

    http://projetocreativite.blogspot.com

    Agradecemos :D

    ResponderExcluir
  2. Olha eu adorei flor. E eu concordo plenamente com você. E digo mais, pode ficar tranquila por que você não é nem de longe a unica a se sentir assim, eu me sinto do mesmo jeito e entendo do mesmo jeito. E você se expressou super bem! Parabéns =D

    ResponderExcluir
  3. O texto é ótimo e seu blog é lindo *--* (Obg por seguir de volta)

    ResponderExcluir