Esse é o verdadeiro espírito

8:20 PM

Hoje é noite de natal, véspera de um dia tão abençoado, tão bonito, tão cheio de amor em cada pedaço da ceia, cada palavra, ligação ou mensagem recebida, abraço num familiar, num amor... Infelizmente minha noite acabou aqui, o dia que eu tanto esperei acabou de morrer e me destruir em pequenos e amargos pedaços. Eu sou diferente de um cachorrinho indefeso, mas nessa hora me sinto igualzinha a um. O cachorro jamais se afasta do seu dono, pode acontecer qualquer coisa, ele sempre faz de tudo pra demonstrar seu carinho e a última coisa que ele espera é ser agredido de alguma forma por esse dono. Eu me sinto assim. Nunca pensei que um tapa, um chute em forma de palavras de quem a gente menos espera doesse tanto! Eu to em pedaços por dentro, enquanto me atento as comidas natalinas, respondo as mensagens tão doces de pessoas que nem esperava, por outro lado estou destruída. Parece melodrama, mas eu classificaria isso se não doesse, se fosse fingido. Ta doendo demais, meu coração ta sangrando... É essa a sensação. Eu sorri de segunda a sexta, eu contei cada dia ansiosamente pelo abraço, pelo afago, por dar um presente de bom grado, pelas coisas mais simples... Eu recebi poucas palavras, talvez se desse pra contar não passou de dez frases, mas foram o bastante pra me destruir em pedacinhos. A pior sensação é receber esse tipo de “surpresa” tão negativa de quem a gente mais ama, mais espera um simples carinho e jamais esperaria o contrário. Eu tenho um bom coração, apesar de tudo meu maior desejo é que essa noite seja de muitos sorrisos, abraços e surpresas BOAS pra todo mundo. Aos que merecem e aos que não merecem, aos brancos, amarelos, negros, ricos, pobres, que Deus derrame seu maior milagre hoje: a bondade no coração, o respeito, a humildade, a percepção de que tudo é passageiro e que um dia não estaremos mais aqui. Que todos os dias tenhamos vontade de dizer que amamos a quem amamos de verdade. E a mim, eu só desejo que os dias sejam lindos, que eu saiba sorrir apesar de qualquer tristeza, e que eu dê boas risadas nos próximos anos de qualquer superação. Feliz natal!

You Might Also Like

0 comentários