Florescendo

3:16 AM

Tenho mantido meu espírito num sentimento de gratidão tão grande, uma coisa entre mim e Deus, uma sensação de já não sofrer ou enlouquecer sozinha, mas de semear... Me preocupo em semear. Em alguns momentos nos preenchemos de medos, dúvidas, e não sabemos ao certo se tudo que fazemos vale a pena, é reconhecido, valorizado, e só nos resta confiar. Confiar em um ser maior que tem um plano perfeito. Isso não tem nada a ver com religião, é sobre espiritualidade, eu realmente separo porque acho que as coisas não são iguais. Confiar nossas vidas em Deus, colocar nossa cabeça no travesseiro sabendo que não temos o controle de tudo, nós sequer sabemos como será o próximo dia, se ainda estaremos vivos... Só nos resta confiar. Tendemos a achar que confiar em Deus é algo falho, passível de erros e incertezas assim como nossa confiança nesse plano terrestre nos baseando nas pessoas, mas é diferente. Acredito que nosso papel é semear o que desejamos colher, é dia após dia encher nosso coração de amor e luz em meio as adversidades. Eventualmente nos decepcionamos, sofremos, pensamos que a vida é um mistério e não entendemos as voltas que o mundo dá, mas uma coisa é certa, até as folhas que caem, caem por uma razão. É nisso que eu acredito, é nessa certeza mesmo sem enxergar que eu entrego minha vida diariamente, meu futuro, minhas incertezas, meus medos.... Tudo. Eu não estou sozinha, nenhum de nós está. É engraçado verbalizar todo esse sentimento e relembrar que em muitos momentos nosso coração está completamente diferente, cheio de medos, frágil, e nos esquecemos tão rápido de que existe algo maior, nós estamos sendo vigiados amorosamente a todo segundo. Pois bem, nós nos esquecemos, mas Ele não nos esquece. O segredo é entregar, semear e confiar.

You Might Also Like

0 comentários